.

.

 Institucional

 Quem somos

 Onde atendemos

 Nossa estrutura

 Corpo clínico

 Serviços prestados

 A que nos propomos

 Nossos fundamentos

 Especialidades
 Ceratocone
 Transplante de córnea
 Ceratopatia bolhosa
 Catarata
 Cirurgia a laser (Lasik)
 Glaucoma
 Vítreo e retina
 Oftalmopediatria
 Estrabismo
 Plástica ocular
.

.

R. Cubatão, 86
Cjs. 107/109
04013-000 - Paraíso
São Paulo - SP
(11) 3885 9193

 
Plástica Ocular
« voltar

Correção de Ectrópio

Definição

Ectrópio é uma condição clínica onde ocorre eversão da margem palpebral (pálpebra virada para fora).

Causas

A causa mais freqüente é a senil, onde ocorre flacidez horizontal da pálpebra inferior, resultando em excesso de tecidos palpebrais e conseqüente eversão da margem palpebral.

O Ectrópio pode ainda ser congênito, como nas Síndromes Dismórficas; paralítico, por paralisia do nervo facial; cicatricial, quando resulta de queimaduras químicas ou térmicas, bem como de complicações cirúrgicas e, de cicatrizes palpebrais originárias de ferimentos provenientes de cortes. O Ectrópio pode também decorrer de processos alérgicos, assim como pode ter origem mecânica, provocada por tumores palpebrais, etc.

Indicações

A cirúrgia para a correção do Ectrópio deverá ser indicada quando a eversão palpebral determinar uma exposição do terço inferior do olho, provocando lacrimejamento, irritação do olho ou da pálpebra, ceratite punctata superficial e espessamento e hiperemia conjuntival. É também indicada nos casos mais avançados onde ocorre queratinização da conjuntiva exposta, devido a ressecamento crônico.

Tratamento

O tratamento clínico consiste no uso de lubrificantes tópicos, associados a pomadas de antibiótico. Todavia, o tratamento definitivo é o cirúrgico, onde realizamos uma ressecção com o intuito de provocar encurtamento palpebral e conseqüente reposicionamento da margem palpebral.

Nos casos de paralisia do nervo facial devemos realizar um acompanhamento clínico de seis meses, devido ao fato de que em certos casos pode ocorrer cura espontânea.

Pós-Operatório

Pode ocorrer a presença de um pequeno hematoma e/ou de alguma dor local, a qual tenderá a ser facilmente controlada por compressas e analgésicos.

Leia também:

    Paulista Vision Center | 2009 www.paulistavisioncenter.com.br
O conteúdo deste site é de propriedade e uso exclusivo da Paulista Vision Center, proibida sua
reprodução ou utilização total ou parcial a qualquer título sem autorização.